Faltou falar

Faltou falar

Faltou falar que, quando ele está mau humorado, precisa de um tempo sozinho. Ela deixou de dizer que gosta de ser elogiada. Os dois ocultaram suas preferências sexuais. Ele não contou que dormir com a televisão ligada atrapalha o sono, como ela o poupou de saber que o ronco dele atrapalhava suas noites. E assim se passaram anos até que, aos pouquinhos, a cada desejo não dito, o casamento acabou.

Acabou porque eles achavam que se conheciam tanto, estavam há tantos anos juntos, que algumas coisas não precisavam ser ditas. Eles simplesmente já deveriam saber. Conhecer o outro significaria prever o que o outro pensa e o que deseja.

Esqueceram que eles formaram juntos uma família, mas cada um nasceu e cresceu em uma diferente. Que os valores que os pais dela prezam não se assemelham em nada com o que ele aprendeu com os pais dele. E, por essa razão, o que cada um espera do outro nem sempre coincide.

Ela não sabia, mas, se ele tivesse deixado claro o quanto sentia falta de carinho, não custaria nada para ela mudar. Pelo contrário, ela se esforçava para não demonstrar tanto afeto com medo dele se sentir sufocado. E, a partir de suposições, eles agiram. Por isso, eles poderiam ter sido, mas não foram. Porque eles poderiam ter dito, mas não disseram...


Undefined_2fhelena Helena Cardoso

Helena Cardoso é psicóloga, formada pela PUC-Rio, com especialização em Terapia Familiar Sistêmica Breve e Entrevista Motivacional. É supervisora clínica na instituição Núcleo-Pesquisas, e faz atendimentos individuais, de família e casal em seu consultório. Contribui com textos para o site Disney Babble Brasil. É também sócia fundadora do Véspera, projeto que atua no preparo emocional de noivos para a vida a dois.

helena@saladeideias.com.br

Escreva para a gente

Icontalk POR AQUI